CEARÁDESTAQUES

Pedra Branca, Forquilha e Irauçuba têm as maiores taxas de letalidade da Covid-19 no Ceará

Pedra Branca, Forquilha e Irauçuba são os municípios que possuem as maiores taxas de letalidade da Covid-19 no Ceará. No período de 1º de janeiro de 2020 até esta terça-feira (18), as três cidades registraram, respectivamente, taxas de 7,46%, 5,45% e 4,68%. É o que apontam dados oficiais da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). As prefeituras, entretanto, tem dados diferentes.

O cálculo é feito a partir do número de óbitos e total de casos confirmados da doença. Conforme o IntegraSUS, até terça, houve 684 diagnósticos positivos e 51 mortes em decorrência do coronavírus em Pedra Branca. Forquilha, por sua vez, somou 1.303 casos e 71 óbitos, enquanto que Irauçuba acumulou 770 casos confirmados e 36 mortes. 

MAIOR PERCENTUAL DE LETALIDADE  

Pedra Branca apresenta o maior percentual de letalidade entre todos os municípios cearenses durante a pandemia. E ainda apresentou altas taxas na primeira onda – de 1º de janeiro a 30 de setembro de 2020 – e na segunda – de 1º de outubro de 2020 a 18 de maio de 2021.

Na primeira onda pandêmica, o município registrou 363 casos de Covid e 29 óbitos, atingindo taxa de letalidade de 7,98%. Era ultrapassado somente por Guaiúba, com 9%; e Penaforte, com 8,88%.  

Já na segunda onda, Pedra Branca passou a ter a segunda maior taxa de letalidade (6,85%), a partir de 321 casos e 22 óbitos. Ficou atrás apenas de Forquilha, com taxa de 7,94%, a partir de um total de 529 casos de Covid e de 42 mortes pela doença.  

DN

Botão Voltar ao topo